Tenho o Dom de Amar e o Privilégio de ser Amada.

11
Dez 10

Do alto do seu metro e oitenta ele olhou-me. Com aqueles olhos castanhos e enormes, que parece que tudo vêem. O vento acariciou-lhe o cabelo rebelde e ele sorriu-me, baixando os olhos em direcção ao chão. Ao passar por ele, senti subtilmente o seu cheiro vindo de encontro a mim, preparado para me cegar, para me confundir.

Ao seu lado eu parecia um porta-chaves, mas sentia-me protegida. As nossas mãos roçaram uma na outra e pude confirmar como a sua mão grande era macia. Fez faísca. Olhei o chão, tal como ele. Nada havia mais à nossa volta. Senti-me pequena, tão pequena. Mas continuei. Na minha mente ficou gravado aquele olhar envergonhado, que me preencheu o resto do dia. Na minha pele ficou gravado o seu toque. O cheiro continuei a sentir, não só nesse dia, mas sempre.

Decorei-lhe a roupa, sempre que olhava para o lado, parecia-me vê-lo. Ilusões.

Ao falar com uma amiga disse-lhe: "Não sei, mas acho que gosto dele."

teoria feita por Mags às 18:40
tags: ,

olá miga magui! ta mt bonito!!! ^^ bem...cá pa mim, n me restam mts dúvidas!!! :D Agarra o teu petisco!!! (na brinka lol) pensa bem mgs, dá tempo ao tempo. beijinhos kidooos, doro-te!
miga Dri
Dri a 11 de Dezembro de 2010 às 20:37

Dezembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10

12
13
15
17

19
22
25

27
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Vamos contar o tempo...
PitaPata Dog tickers
Ajudar e...
760 50 10 95
...Prevenir!
"Orgulho naquilo em que acredito!"
pesquisar
 
"Exige muito de ti e espera pouco dos outros!"
Está verde? Podes falar!
blogs SAPO