Tenho o Dom de Amar e o Privilégio de ser Amada.

14
Dez 10

Relembro o teu cheiro com a brisa marinha. Relembro o teu toque com o suave balançar dos ramos das árvores por onde quer que passe. Relembro a tua face, o teu olhar, o teu sorriso em mim.

Relembro-te, lembro-te e chamo-te até mim diariamente. Fazes parte do meu ser.

 

Penso em ti todos os dias, várias vezes ao dia.

 

Amo-te, onde quer que estejas, onde quer que eu esteja, a que horas for, a que dia for.

 

É um amor eterno.

 

É para sempre mãe

 

 

PS: Não sei se de onde tu estás me consegues ver, ler, sentir. Mas acredito que sim, e por isso, acredito que também te lembres de tudo... e é por isso que termino com isto: Amo-te (mais de) mil vezes mãezocas!

teoria feita por Mags às 15:19

Olá :)
Bastante sentido, e tenho a certeza, que esteja onde estiver, a tua mãe saberá sempre o amor que tens por ela.
Beijocas
Joana Pires a 14 de Dezembro de 2010 às 20:30

Dezembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10

12
13
15
17

19
22
25

27
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Vamos contar o tempo...
PitaPata Dog tickers
Ajudar e...
760 50 10 95
...Prevenir!
"Orgulho naquilo em que acredito!"
pesquisar
 
"Exige muito de ti e espera pouco dos outros!"
Está verde? Podes falar!
blogs SAPO